DIGNIDADE do TRABALHADOR

Versão de impressão

Dignidade do trabalhador

No dia dois de setembro do presente ano é publicado um artigo de opinião no Semanário ECCLESIA, n.º 1.541, acerca da Dignidade do Trabalhador. Subscrito pela Liga Operária Católica - Movimento de Trabalhadores Cristãos (LOC/MTC), que tem como objetivo primordial a transmissão da mensagem cristã num ambiente de trabalhadores, procurando assim, no seio desse mesmo grupo, a busca pela justiça, bem como a sua promoção coletiva. O mencionado artigo parte de uma reflexão de São João Paulo II, traduzida por meio da Encíclica «Laborem Exercens» sobre o trabalho humano.

            De todas as interpretações que poderão ser tecidas a respeito deste assunto, acima de tudo há que ter em conta o facto de o Trabalho ser um bem do homem - «E não é só um bem “útil” ou de que se pode usufruir, mas é um bem “digno”, ou seja, que corresponde à dignidade do homem, um bem que exprime e aumenta esta dignidade. Querendo determinar melhor o sentido ético do trabalho, é indispensável ter diante dos olhos de mais nada esta verdade. O Trabalho é um bem do homem - é um bem da sua humanidade - porque mediante o trabalho, o homem não somente transforma a natureza, adaptando-a às suas próprias necessidades, mas realiza-se também a si mesmo como homem e até em certo sentido, “se torna mais homem”»

Recomendamos assim a leitura integral deste texto>  AQUI: